Winslow Homer

Sol e Sombra, Pescoço de Prout – 1894

Descrição do produto

REPRODUÇÃO DE OBRA DE ARTE 

  • MOVIMENTO: realismo
  • Arista da obra: Winslow Homer (americano)

 

 

ARTE DIGITAL (simula técnica utilizada na arte tradicional / obra de arte multimídia)

    • Reprodução em alta definição com tinta pigmentada
    • Impressão em altíssima qualidade em tecido canvas traduz a mesma aparência de uma tela de pintura com aspecto artístico.
    • Canvas (80% algodão + 20 % poliéster): tecido “flexível”, de aparência rústica.
    • Podem ser tencionados (esticados) em chassi de madeira, estrutura leve e prática: é pendurar na parede (adquira opção tela pronta para pendurar).
    • Podem receber moldura (adquira a opção tecido enrolado e procure seu moldureiro para escolher uma moldura que a valorize).

 

 

______________________________________________________________________________________________________________________________________________

DETALHES DA OBRA ORIGINAL:

Título da obra: Sunshine and Shadow, Prout’s Neck  (Sol e Sombra, Pescoço de Prout)

Arista da obra: Winslow Homer (americano)

Ano da obra: 1894

Técnica original da obra: Aquarela, com reumidificação e blotting, sobre grafite, em papel grosso de textura áspera e marfim

Dimensões originais da obra: 385 x 546 mm

______________________________________________________________________________________________________________________________________________

HISTÓRIA E CURIOSIDADES DA OBRA:  

Como o título indica, Sunshine and Shadow, Prout’s Neck explora um efeito específico da luz no mar. Esta aquarela coloca o espectador na costa rochosa do Maine entre os arbustos arbustos e juníperos, este último em traços pretos fluidos com uma elegância de gesto comparável à caligrafia japonesa. Apesar da antipatia declarada de Homer em relação à linha reta do horizonte, o grupo de 1894 de aquarelas de Prout’s Neck redutoras do artista concentra-se no horizonte como um locus de beleza. Assim, Homer começou a trabalhar em Sunshine and Shadow, fazendo uma marca no lápis no centro do papel. Ele criou o efeito do sol deixando o branco do papel para as áreas mais brilhantes de iluminação. Em contraste, nuvens cinzentas e pesadas lançam suas sombras sobre grandes extensões de água escura. O artista parece ter colocado suas lavagens de forma rápida e fluida. O efeito é contemplativo e edificante, mas sugere um lado mais sombrio da natureza. (Museum of the Art Institute of Chicago)